Projeto “Encontro Cultural” terá oficinas e palestras gratuitas sobre música popular brasileira

Portal Nine
Sergio Molina_credito Mirna Modolo (1)_Easy-Resize.com

As atividades acontecerão no Campus da Unesp – Sorocaba em agosto, setembro e outubro e as inscrições podem ser feitas por Whats App.

- PATROCINADO -

A partir de agosto, a Temporada 2023 do projeto “Encontro Cultural” – que tem levado apresentações musicais à Praça “Frei Baraúna”, no Centro de Sorocaba – oferecerá ao público, apreciador da música popular brasileira, oficinas e palestras gratuitas, que serão ministradas no Campus da Unesp (Av. Três de Março, 511 – Alto da Boa Vista).

- PATROCINADO -

No dia 04 de agosto será ministrada a oficina “Diálogos entre jazz e música brasileira: de Pixinguinha a Hermeto Pascoal (1920 – 1980)”, com o pesquisador Renan Ruiz. Já no dia 22 de setembro será apresentado, pelo professor Wellington Ataide, “O samba na formação da identidade nacional” – Um projeto de nação?”. E finalizando a programação de oficinas, outubro terá três datas: no dia 20 será apresentada “A Vanguarda Paulista Instrumental (VPI): (des)encontros entre jazz e música independente no Brasil (1976 – 1986)”, com Renan Ruiz. No dia 27 de outubro, o tema será “Paulinho da Viola e o samba possível: um passeio por canções que tratam da própria composição” e no dia 28 é a vez de “A pele em cada palco: O Grande Circo Místico de Edu Lobo e Chico Buarque”, ambas ministradas pelo violinista Sidney Molina. Completando a programação pedagógica, nos dias 18 e 19 de agosto (sexta e sábado) serão ministradas as palestras: “TEU INFINITO SOU EU: A Canção Popular no séc. XXI. Tradição, montagens e ressignificações” e “As cicatrizes dos limites na Música de Montagem do Pós-1967: uma análise do álbum ‘Circuladô’ (1991), de Caetano Veloso”, pelo Profº Dr. Sergio Molina.

Criado há 15 anos, pela empresa MdA International, por intermédio da Lei Rouanet, o “Encontro Cultural” vem revolucionando o cenário cultural local e regional desde sua primeira edição, e já trouxe à cidade mais de 400 apresentações gratuitas, com grandes artistas da Música Brasileira, ao longo de sua jornada.

De cara nova para sua temporada 2023, e desta vez com o patrocínio da Toyota do Brasil, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, e apoio da Secretaria Municipal da Cultural, o projeto permanece com a função e talento de reverenciar a brasilidade e variedade musical do Brasil, juntamente a qualidade das escolhas artísticas. “Este sempre foi o conceito que pautou o projeto desde a sua criação em 2005 e segue agora para a sua 15ª Temporada, trazendo a diversidade atual na música e todas as suas conexões, abrangendo diversas gerações da Música Brasileira”, comenta Marco de Almeida, diretor artístico e produtor executivo do projeto.

As inscrições podem ser feitas viaWhatsApp da Mda International (15) 3211-1360, produtora do projeto.

Confira abaixo a programação pedagógica completa

OFICINAS:

Data: 04 de agosto, sexta-feira

Horário: 19 h (duas horas de duração)

Com: Renan Ruiz

Tema: Diálogos entre jazz e música brasileira: de Pixinguinha a Hermeto Pascoal (1920 – 1980)

- PATROCINADO -


Data: 22 de setembro, sexta-feira

Horário: 19 h (duas horas de duração)

Com: Wellington Ataide

Tema: “O samba na formação da identidade nacional” – Um projeto de nação?

Data: 20 de outubro, sexta-feira

Horário: 19 h (duas horas de duração)

Com: Renan Ruiz

Tema: A Vanguarda Paulista Instrumental (VPI): (des)encontros entre jazz e música independente no Brasil (1976 – 1986)

Data: 27 de outubro, sexta-feira

Horário: 19h (duas horas de duração)

Com: Sidney Molina

Tema: Paulinho da Viola e o samba possível: um passeio por canções que tratam da própria composição.

Data: 28 de outubro, sábado

Horário: 15h (duas horas de duração)

Com: Sidney Molina

Tema: “A pele em cada palco”: O Grande Circo Místico de Edu Lobo e Chico Buarque

PALESTRAS ENCONTRO CULTURAL:

Com: Profº Dr. Sergio Molina

Data: 18 de agosto, sexta-feira

Horário: 19 h (duas horas de duração)

Tema: “TEU INFINITO SOU EU” A Canção Popular no séc. XXI

Tradição, montagens e ressignificações

Data: 19 de agosto, sábado

Horário: 15 h(duas horas de duração)

Tema: As cicatrizes dos limites na Música de Montagem do Pós-1967: uma análise do álbum “Circuladô” (1991) de Caetano Veloso

Sobre os oficineiros e palestrantes:

Renan Branco Ruiz é mestre e doutorando em História e Cultura Social pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP. Nos últimos anos, publicou diversos artigos e capítulos de livros sobre jazz e música brasileira. Atua em pesquisas com foco nos seguintes temas: música popular, new jazz studies, música instrumental, “jazz e ditaduras” e modernismos.

Wellington Ataide é graduado em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP (2014). Mestre pelo Programa de Pos-Gradução Interdisciplinar Estudos da Condição Humana na UFSCar(2023). É pesquisador do “Baobá – Grupo de Estudos Negros de Sorocaba-SP”, que ajudou a fundar em 2018.

Sidney Molina é músico, professor e crítico musical. Fundou o Quarteto de Violões Quaternaglia, grupo que completou 30 anos em 2022, com o qual gravou 10 CDs, e tem se apresentado por todo o Brasil, Estados Unidos, Europa e Austrália. É bacharel em Filosofia (USP) e doutor em Semiótica (PUC-SP)Atua como Coordenador da Pós-graduação em Violão da Faculdade Santa Marcelina, Musician-in-residence do Middlebury College (EUA) e professor de música do FIAM-FAAM (SP). É autor dos livros Mahler em Schoenberg Música Clássica Brasileira Hoje.

Sergio Molina é compositor, doutor em música pela USP, coordenador na Faculdade Santa Marcelina e professor de composição no I.C.G (em Belém). Trabalha com versatilidade tanto na área da música popular quanto da música clássica (contemporânea), como compositor e pesquisador. É autor de Música de Montagem: A Composição de Música Popular no Pós-1967 (É Realizações – 2017 – Prêmio Tese Destaque USP/2015 e Prêmio Funarte de Produção Crítica em Música/2016).


Confira abaixo a programação completa dos próximos shows do Projeto:

Julho – dia 29

16h30 – Pianorquestra

18h – Anna Setton

Setembro – dia 16

16h30 – Projeto Tânia Maria

18h – Filipe Catto

Novembro – dia 11

16h30 Livia Mattos Quinteto

18h – Edson Cordeiro

TAGS:
Compartilhe esta história
Deixe um comentário

Apoios

Baixe o Aplicativo do NINE!

Um portal que vai te apresentar experiências em Turismo, Música, Gastronomia e muito mais.

Para acessar no celular, baixe o App do NINE.

Para IPHONE,
Clique em: