Ciclone deve se formar no Sul do país e provocar ventos de até 120 km/h e risco de granizo na região

Nine
aff77433f23b6c012de9ba27e3c4fd58.jpg

- PATROCINADO -

Um ciclone extratropical deve se formar na noite desta quarta-feira (12) e provocar ventos de até 120 km/h e fortes chuvas com risco de granizo nos três estados da região Sul do Brasil, segundo o Climatempo.

- PATROCINADO -

As regiões mais atingidas deves ser o litoral norte do Rio Grande do Sul e as serras gaúcha e catarinense, onde são esperados ventos 100 e 120 km/h. Em Porto Alegre, as rajadas devem chegar a 90 km/h.

O sistema deve provocar fortes rajadas que atingirão toda a faixa litorânea até o estado do Rio de Janeiro, além de avançar por dentro do continente até a porção sul do Mato Grosso do Sul.

A expectativa é de que, na quinta-feira (13), São Paulo seja alvo de ventos de até 90 km/h. No litoral paulista e na Serra do Mar, as rajadas podem chegar a 100 km/h.

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) orienta a população das áreas atingidas pelos efeitos do ciclone a evitar se abrigar debaixo de árvores e estacionar seus veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

O órgão também pede que os aparelho elétricos e o quadro geral de energia sejam desligados e sugere a busca por mais informações junto à Defesa Civil (no telefone 199) e o Corpo de Bombeiros (193).

Tempo seco predomina no resto do Brasil

Durante essa quarta-feira, uma massa de ar seco inibe a formação de chuvas e mantém as temperaturas acima do esperado para essa época do ano nas regiões Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. Em função do ciclone, são esperadas pancadas de chuva no fim da noite no extremo-oeste de São Paulo e nas regiões sul e oeste do Mato Grosso do Sul.

Também pode chover no litoral, oeste e norte do Maranhão; leste do Rio Grande do Norte; agreste, litoral e Zona da Mata da Paraíba, Sergipe e Alagoas; e no nordeste da Bahia, incluindo a capital Salvador.

O ar seco também atinge a porção sul da região Norte do Brasil. O dia deve ser de forte sol em Tocantins, sul e leste do Pará, Rondônia, Acre e extremo-sul do Amazonas. As demais áreas da região tem alertas para tempestade de raios e chuva forte.

O que é um ciclone extratropical?

Segundo o Climatempo, o ciclone extratropical é uma área de baixa pressão atmosférica onde os ventos giram ao redor de um centro, sempre no sentido horário, no caso do Hemisfério Sul, formando um círculo completo.

A empresa informa que, “quanto mais baixa a pressão do ar no centro do ciclone, mais fortes são os ventos e maior o potencial para o desenvolvimento de nuvens muito extensas, que provocam chuva volumosa e forte, ventania, raios e eventualmente granizo”.

- PATROCINADO -

Compartilhe esta história
Deixe um comentário

Apoios

Baixe o Aplicativo do NINE!

Um portal que vai te apresentar experiências em Turismo, Música, Gastronomia e muito mais.

Para acessar no celular, baixe o App do NINE.

Para IPHONE,
Clique em: